[Resenha da Gutenberg] "Mate-me quando quiser" de Anita Deak

sexta-feira, janeiro 16, 2015


"Mate-me quando quiser" foi escrito pela Brasileira Anita Deak, que nasceu em Belo Horizonte em 1983, foi criada no Rio de Janeiro e atualmente mora em São Paulo e é formada em Jornalismo pela PUC-RJ. Já trabalhou na editora Abril e na Folha de São Paulo. Ganhou o prêmio Abril de Jornalismo e o Premio de Jornalismo pela Associação Brasileira de Educação, ambos ganhados em 2010. "Mate-me quando quiser" é seu primeiro livro, e foi finalista do prêmio Sesc de literatura 2013. O livro é um romance policial.  



A capa já chama a atenção por ter uma foto panoramica de Barcelona na Espanha e as laterais serem manchadas de tinta vermelha, para lembrar sangue. O livro tem quatro partes. Começa com Souza, um assassino particular, indo para uma nova cidade (Barcelona) pois recebeu um pedido inusitado: uma mulher, denominada no livro simplesmente como "Mulher", que quer ser morta, lá, dentro de um mês. Ele aceita a missão e decide, antes de tudo, conhecer o lugar e arranja um emprego em uma loja de jóias.



Se interessa pela vida do dono da loja, denominado como "Homem", e passa a seguí-lo. Souza conhece as duas mulheres do chefe, a Loura e a Morena, dois casos extraconjugais que ele teve ao mesmo tempo, por isso elas tem crianças em faixa etárias próximas. O curioso é que a Mulher, na hora que Souza saiu para seguir o chefe, também o seguiu, ou seja, uma hora na história ela passa a ser melhor amiga de uma delas. É muito interessante ver os casos de intriga que acontecem depois que os dois stalkers passam a socializarem-se com as amantes desafortunadas. Eu gostei muito do livro, principalmente das cenas comicas com as crianças das duas esposas, uma que gosta de roubar comida do prato das visitas e outra que é um pequeno genio; e é tragicomico quando o chefe desabafa sobre como a mãe dele costumava tratá-lo antes de morrer e como tratava sua família. A autora escreve de uma maneira única, com cada capítulo contando sobre Souza e outro sobre a Mulher, dividido em 4 partes.




Eu o recebi pela parceria da editora Gutenberg, que foi muito legal por enviá-lo para mim, mal espero para resenhar o próximo. Deak é uma escritora com grande potencial de talento!









0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...